Porta bilidade da CEF para Itaú

  • Adriano Lima Carvalho

    Prezados,
    O meu financiamento com a Caixa está muito pesado. Está da seguinte forma:
    Valor financiado em outubro/2012 no valor de R$ 300.000,00 em 395 meses com taxa de juros anual efetiva de 7,6999 e juros anual nominal de 7,4409 com sistema de amortização SAC, CET=11,62.
    Faltam 290 prestações e o saldo devedor continua alto, em R$250.000,00.
    Resumindo, paguei quase 300.000,00 em prestações e só paguei juros. Desaminador.

    Consigo financimanto melhor no Itaú, haja vista, que o juros brasileiro é o dobro do europeu???

    Comentar ➔

    2 Comentários

    • Adriano Lima Carvalho

      Acredito que deve haver algo errado porque a prestação nunca diminui, comecei com quase 3.000,00, chegou a R$5.595,000 em fev/2020 e hoje, ago/2021 está em 2.933,00.


    • Julyana Andrade

      Olá, Adriano! Como vai?
      Você chegou a pagar algum valor de entrada?
      No sistema SAC, as primeiras parcelas sempre serão mais altas, já que o saldo devedor é maior. Mas a tendência é que elas diminuam ao longo do tempo. Me parece que há algo errado nesse sentido.
      Quanto ao saldo devedor, ele realmente fica alto, tendo em vista os juros aplicados e a quantidade de meses que ainda restam. Você pode usar a nossa calculadora de financiamento SAC para simular o seu contrato e ver se realmente esses valores estão corretos: https://www.idinheiro.com.br/calculadoras/calculadora-de-financiamento-sac/

      Quanto à portabilidade, você pode, sim, migrar da Caixa para o Itaú. Ele tem uma das melhores taxas de financiamento imobiliário. Porém, você deve ter mais atenção ao CET, já que é ele que determina quanto o empréstimo custará para você no total.
      Sugiro fazer uma simulação como banco e ver qual proposta eles têm. Se o CET for menor que 11,62%, vale a pena fazer a portabilidade.


Novo comentário