Como economizar energia? Veja 19 dicas eficientes para diminuir sua conta de luz!

Economizar energia não faz bem apenas para o seu bolso, mas também é uma forma de agir de forma sustentável, preservando recursos naturais.

Pela relevância do tema, trouxemos um artigo completo para esclarecer as principais dúvidas acerca deste assunto e dar algumas dicas práticas de como economizar energia elétrica.

Continua após a publicidade:

Se considerar que as nossas sugestões foram úteis, por favor, não deixe de compartilhá-las com seus amigos e familiares.

Assim, iremos contribuir para que mais pessoas consigam economizar dinheiro e melhorar suas situações financeiras.

Continua após a publicidade

Então, sem mais delongas, vamos conhecer as dicas sobre economia de energia!

Como economizar energia?

A forma mais simples de conseguir uma redução em sua conta de energia elétrica é evitando o desperdício.

Sendo assim, é preciso estar sempre atento para desligar aparelhos que não estejam sendo utilizados como TVs, ventiladores e luzes, os quais costumam permanecer ligados mesmo quando não há ninguém no cômodo, gerando gastos desnecessários.

No entanto, com o avanço da tecnologia, uma nova forma de economia de energia foi inventada e levantou algumas dúvidas, por exemplo, se realmente funcionava e como conseguir um: aparelho economizador de energia?

Economizador de energia

São aparelhos que prometem até 40% de economia na conta de luz.

Eles podem ser encontrados em sites na internet, em lojas de materiais elétricos e para construção.

Continua após a publicidade

Como economizar energia? Veja 19 dicas eficientes para diminuir sua conta de luz!
Modelo de economizador de energia elétrica

 

Como mostrado na imagem acima, estes dispositivos são parecidos com adaptadores de tomadas. São pequenos e facilmente transportáveis.

O funcionamento de um economizador de energia se baseia na filtragem dos picos de tensão da rede elétrica.

Estes aparelhos, então, exercem uma dupla função: proteção dos eletrônicos e armazenadores da energia extra para posterior utilização (diminuindo o consumo elétrico).

A principal indicação é que eles sejam usados para ligar eletrodomésticos que gastem mais energia elétrica, como geladeiras e ferros de passar.

Continua após a publicidade

Vale ressaltar, entretanto, que cada aparelho deve ter seu próprio economizador, ou seja, caso você tente ligar um adaptador “T” ou benjamim na saída do mesmo, ele perde a funcionalidade.

Economizador de energia funciona?

Segundo um estudo prático feito pelo site da Proteste.org, os economizadores são, na verdade, uma farsa.

A Proteste fez um teste prático com 4 tipos de economizadores vendidos no mercado e chegou à conclusão que, com o uso destes aparelhos, o consumo até aumenta um pouco.

André Mafra, engenheiro eletricista e produtor de conteúdo para o YouTube, em seu canal Engehall Elétrica, considerado o maior canal de elétrica da América Latina, realizou o mesmo teste com ajuda de aparelhos de medição elétricos (potência e corrente).

Continua após a publicidade

E descobriu que os economizadores são, na verdade, circuitos simples sem utilidade prática na redução da quantidade de energia consumida pelos aparelhos elétricos.

Como economizar energia? Veja 19 dicas eficientes para diminuir sua conta de luz!
Demonstrativo da Engehall Elétrica do aumento de potência e corrente elétrica com o economizador

 

Na imagem acima, podemos constatar que, na primeira medição, a potência utilizada está menor (0,77 kW), quando comparada às duas situações seguintes com o uso de economizadores ligados à rede elétrica.

Assim como a corrente elétrica mostrada no canto direito do aparelho (6,68 A), que é igualmente maior nas duas situações seguintes.

Dessa forma, com respaldo em autoridades das áreas de direito do consumidor e elétrica, podemos afirmar que os economizadores não são uma opção comprovada para diminuir o consumo de energia residencial.

Continua após a publicidade

Dicas para economizar energia

Depois de esclarecido o ponto sobre o suposto aparelho economizador de energia, partiremos para dicas úteis para diminuir o consumo de energia elétrica residencial.

Dicas de como economizar energia elétrica residencial:

como economizar energia residencial

1. Substitua as lâmpadas incandescentes (de luz amarelada) pelas fluorescentes (luz branca) ou LED.

Apesar das lâmpadas fluorescentes e de LED possuírem um valor de compra mais alto, o custo-benefício quando se analisa a vida útil pelo preço, compensa o gasto a mais.

Além, é claro, da redução na conta de luz.

2. Aproveite a luz natural

Outra dica muito útil é utilizar a iluminação natural dos ambientes a seu favor.

Fazer uso da desta estratégia, pode inclusive melhorar seu relógio biológico e ajudar com problemas de insônia.

3. Invista em ambientes com cores claras

Ambientes claros são mais facilmente iluminados, pois os tons claros ajudam a refletir a luz, seja ela natural ou artificial.

Continua após a publicidade

O segredo para quem gosta de cores quentes é escolher apenas uma parede do cômodo para aplicá-la.

4. Estude a viabilidade de usar fotocélulas e luminárias solares

economizar energia com fotocélula

Para ambientes como faixadas, varandas e jardins, essas opções são ótimas, pois economizam eletricidade e, no caso das luminárias solares, não gastam nada de energia artificial.

Em residências com o perfil de gasto energético mais elevado, talvez seja o caso de estudar a viabilidade de aquisição de painéis solares.

O investimento inicial é alto, mas se paga no longo prazo!

5. Diminua o tempo no banho quente

Outro item que consome bastante energia é o chuveiro elétrico e o uso indiscriminado dele pode pesar na fatura no final do mês.

Continua após a publicidade

Então, busque tomar banhos mais rápidos, economizando além de eletricidade, recursos hídricos.

Faça uso do modo “verão”, quando o clima esquentar e evite gastar mais energia que o necessário.

6. Use o ar condicionado com moderação

A dica anterior era voltada para locais mais frios, esta é para estados mais quentes.

Nestas localidades, o peso do ar condicionado pode chegar a 1/3 da conta de energia elétrica.

7. Opte por comprar eletrodomésticos com selo Procel de economia de energia

selo procel de economia de energia
Fonte: Inmetro – Selo Procel de Eficiência Energética

 

Como mostrado na figura acima, quanto maior a classificação, mais alta a eficiência energética.

No caso, eletrodomésticos classificado com o “A”, gastam menos energia.

8. Confira os BTUs do seu ar condicionado e mantenha os filtros limpos

Duas características que podem influenciar no consumo de energia de ar condicionados são: o tamanho do ambiente a ser refrigerado e a limpeza dos filtros.

Continua após a publicidade

A primeira questão é resolvida com base nos BTUs de cada máquina, já que está medida pode ser traduzida como a capacidade de refrigerar uma área medida em metros quadrados.

Traduzindo, para resfriar um metro quadrado de área é preciso de 600 a 800 BTUs.

Assim, fazendo a conta: Nº de metros quadrados do cômodo onde ficará o ar condicionado x 800 BTUs, tem-se a especificação do melhor tipo de máquina para o ambiente.

O segundo ponto é mais fácil de resolver.

Alguns ar condicionados avisam quando é a hora de lavar o filtro, mas se o seu aparelho é usado com frequência diária, o indicado é fazer a higienização a cada 15 dias.

Continua após a publicidade

9. Diminua o número de vezes que abre a geladeira

Algo comum é abrir a geladeira e ficar “pensando” o que vai pegar. Ou pegar item por item para montar uma refeição.

Evite essas duas práticas, elas diminuem a eficiência deste eletrodoméstico.

Se na sua residencia moram muitas pessoas e o vai e vem na geladeira é constante, vale a pena considerar a compra de um “gelágua”, para diminuir a necessidade de abrir e fechar a geladeira diversas vezes no dia.

10. Verifique  as borrachas da geladeira

Ainda sobre a geladeira, um ponto importante é a vedação das portas, já que quando há muitas trocas de calor com o ambiente, como no caso do tópico anterior, há perda de eficiência energética.

Desse modo, é importante estar sempre atento à qualidade das borrachas e verificar periodicamente se estão cumprindo seu papel corretamente.

Continua após a publicidade

11. Não coloque coberturas nas prateleiras da geladeira

forro de prateleira de geladeira

As geladeiras são desenhadas para distribuir a refrigeração de forma equilibrada.

Desse modo, quando obstáculos desnecessários são colocados no caminho, dificultando a circulação do ar frio, isso aumenta o consumo de energia.

12. Não use a máquina de lavar com pouca roupa

Outro eletrodoméstico que exige uma boa pesquisa antes de ser comprado é a máquina de lavar. Isso porque, o número de quilos de cada lavadora pode te ajudar na hora de economizar energia.

O número de pessoas que moram com você é decisivo na hora de escolher o tamanho ideal da sua lavadora de roupas.

Já que, ao escolher o tamanho errado,  a periodicidade de uso deste eletrodoméstico pode ficar muito frequente ou ser usado raramente, ambas as situações são ruins.

Continua após a publicidade

Fazer um estudo prévio da quantidade de roupa suja gerada por semana na sua residência é o ponto inicial para escolher o tamanho certo de máquina de lavar e economizar na conta de luz.

O ideal é que a máquina de lavar seja usada uma vez por semana em sua capacidade total, economizando energia e água.

Se você quer aprender dicas para poupar água, não deixe de ver o artigo: Como economizar água? Veja 20 orientações que vão te ajudar nesse sentido!

13. Desligue da tomada aparelhos eletrônicos que não estão em utilização

Aquela luzinha acesa, chamada de “stand by”, costuma gerar um gasto elétrico significativo, podendo representar até mais de 10% da sua conta de luz.

Continua após a publicidade

Contudo, muitas vezes, não é viável passar o dia ligando e desligando aparelhos da tomada.

Por isso, pratique essa dica pelo menos durante a noite ou pelos períodos prolongados que não for fazer uso dos aparelhos em questão.

Outro modo de tornar este conselho prático é centralizar várias tomadas em uma extensão com botão único de liga e desliga, veja um exemplo na imagem abaixo.

extensão para economia de energia

14. Separe o fogão da geladeira

Estes dois eletrodomésticos trabalham com temperaturas muito diferentes, podendo um influenciar no outro, aumentando o gasto energético.

Continua após a publicidade

15. Use reguladores de potência para diminuir a intensidade de luz

regulador de intensidade de luz

Existem uns aparelhinhos chamados dimmers que são ligados na rede elétrica e permitem a regulação da quantidade de potência utilizada em um determinado aparelho.

Quando utilizados em tomadas para controlar luzes, servem como dispositivo para aumentar ou diminuir a intensidade de luz em um ambiente, ajudando a economizar energia.

16. Avalie a possibilidade de usar aquecimento solar

Um dos maiores gastos em regiões frias é o aquecimento da água.

Vale a pena analisar a possibilidade de comprar um aquecedor solar e se livrar de uma boa parcela da sua conta de luz.

17. Use vidro e espelhos na decoração

Estes dois itens além de charmosos são aliados na economia de energia residencial. Isso porque, potencializam o uso da luz natural nos ambientes.

Continua após a publicidade

Utilizá-los possibilita tanto uma maior quantidade dela, quanto um espalhamento eficiente nos cômodos.

18. Aprenda a escolher as lâmpadas mais econômicas

fluxo luminoso de lâmpadas de led

Acima, temos duas lâmpadas de LED, que são ovacionadas por serem mais econômicas.

Porém, há um detalhe bem importante que muitos não sabem. O campo “fluxo luminoso” representa a eficiência energética de uma lâmpada.

Assim, para lâmpadas com a mesma potência, como as mostradas na imagem, a que possui maior fluxo luminoso é também a que mais economiza energia.

Por isso, cuidado, não basta apenas ser de um determinado tipo. É necessário também ser de boa qualidade dentro da sua categoria.

19. Adeque as tomadas ao uso

Eletrodomésticos como microondas, fornos elétricos, coifas, secadores e pranchas de cabelo exigem mais da rede elétrica e o ideal é que sejam ligados em tomadas de 20 amperes com fiação de pelo menos 4mm.

Continua após a publicidade

Sendo assim, quando for reformar ou construir algum dos cômodos da sua residência, contrate um profissional experiente, que tenha o conhecimento adequado.

Como economizar energia do celular?

Agora, vamos dar dicas mais específicas para quem quer economizar a bateria do celular.

Afinal, dar muitas cargas nos aparelhos de telefone também compromete o valor da conta de energia no final do mês.

Dicas para economizar energia do celular

20. Diminua o brilho da tela e configure o desligamento da luz de fundo em um tempo confortável para você.

21. Não use planos de fundo animados.

22. Desative Wi-Fi, 4G, GPS e Bluetooth, quando não estiverem sendo utilizados.

23. Opte pela sincronização manual ao invés da automática.

24. Feche os aplicativos que não estão sendo utilizados e configure os que podem funcionar em segundo plano.

Continua após a publicidade

25. Faça uma limpeza periódica e desinstale aplicativos que você não usa mais.

26. Elimine o excesso de Widgets.

27. Use os modos de economia de energia e avião, quando precisar.

Confira também nosso artigo completo sobre: Os 9 melhores aplicativos para economizar bateria do celular: Android e iOS

Perguntas frequentes

imagem que simboliza as dúvidas sobre economia de energia

Neste tópico, vamos responder as principais dúvidas sobre o que ajuda ou não na economia de energia residencial, vamos lá!

Aparelho para economizar energia existe?

Como explicado no início do texto, ainda não existe um aparelho que ajude comprovadamente a reduzir o consumo de energia.

Como economizar energia com ar condicionado?

Para economizar energia ao utilizar um ar condicionado é preciso respeitar o limite de refrigeração dado em BTUS.

Continua após a publicidade

A conta é simples: calcule o tamanho da área (em metros quadrados) onde o aparelho será colocado e multiplique por 800, o resultado é a quantidade de BTUs que o ar condicionado deve ter para apresentar eficiência neste ambiente.

Outra dica é investir em ar condicionados do tipo ‘inverter” com classificação “A” no selo Procel.

Qual a temperatura ideal do ar condicionado para economizar energia?

Alguns modos como o “sono bom” fazem uma regulação automática da temperatura do ar condicionado, economizando energia.

Especialistas afirmam que a temperatura de 23 ºC é a mais econômica, por proporcionar um clima agradável, exigir menor esforço do ar condicionado (se comparado com temperaturas como 17 ºC) e estar mais próxima da temperatura ambiente exterior.

Continua após a publicidade

Ar condicionado inverter economiza energia?

Sim, pelas características do compressor de ar condicionados inverter, estes modelos podem economizar até 40% de energia se comparados com modelos tradicionais.

Qual o melhor horário para economizar energia?

Os melhores horários para se economizar energia de modo geral são durante o dia, aproveitando a luz natural do sol.

No entanto, quem aderiu ao sistema de Tarifa Branca, irá dispor de horários específicos no qual o consumo de energia elétrica é mais barato.

Os horários e valores dependem da companhia energética de cada região.

Desligar a geladeira à noite economiza energia?

Pode até economizar, mas esta prática não é recomendada, pois os alimentos podem estragar durante à noite e causar doenças sérias de infecção intestinal.

Continua após a publicidade

Desligar o freezer à noite economiza energia?

Questão muito parecida com a anterior, continua com a ressalva que esta prática pode levar ao óbito por infecção alimentar.

Não recomendamos que geladeiras e freezers sejam desligados por longos períodos de tempo, sob nenhum pretexto.

Chuveiro que economiza energia?

No mercado existem algumas soluções elétricas que prometem até 68% de redução no consumo de chuveiros elétricos, porém, não há comprovação técnica, nem selo do Inmetro.

As dicas mais eficazes neste caso seriam: instalar um sistema de aquecimento solar ou reduzir o tempo de banho.

Continua após a publicidade

Qual o melhor horário para passar roupa e economizar energia?

Novamente, para os adeptos da Tarifa Branca, existe um horário que a energia custa menos. Então, vale mais a pena fazer atividades (como passar roupa) nestes períodos.

Nos demais casos, o melhor horário seria o mais quente, pois o ferro de passar estaria mais próximo da temperatura final, principalmente em locais muito frios.

Chuveiro eletrônico economiza energia?

Depende do como ele é utilizado, mas o chuveiro eletrônico proporciona uma maior possibilidade de economia, pois possui uma gradação de temperatura maior do que o elétrico.

Qual o melhor aplicativo para economizar energia no Android?

Segundo os quase 200 mil usuários que classificaram o app, com nota média de 4,6 na Play Store, o dfndr battery: Economia de Bateria é o melhor aplicativo de economia de energia para Android.

Continua após a publicidade

Filtro de luz azul economiza energia?

Por reduzir a luz emitida pela tela, o filtro de luz azul proporciona uma pequena economia de energia.

Contudo, seu verdadeiro propósito é reduzir a emissão deste tipo de luz que influencia na produção de melatonina, hormônio responsável pela regulação do sono.

Assim, evita-se problemas de insônia por exposição prolongada a dispositivos móveis.

Conclusão

Muitas são as formas de economizar nas contas de consumo da casa, mas (para que sejam eficazes) é preciso contar com a colaboração de todos.

Dessa forma, se quer criar um novo conjunto de hábitos dentro do seu lar, alinhe os pontos com a sua família e implemente ações sustentáveis.

Você pode inclusive bolar um plano que inclua diminuição de outras contas, como a de água, e a elaboração de um planejamento financeiro.

Além disso, conte sempre com o Mobills para montar seu orçamento e colocar em prática esse novo hábito!

Publicidade