Cartão fidelidade: Tudo o que você precisa saber sobre esse programa de recompensas

Você sabe quais são as vantagens do cartão fidelidade para o cliente e para a empresa? Então confira nosso conteúdo exclusivo!

Karina Carneiro
Karina Carneiro

Cartão fidelidade: Tudo o que você precisa saber sobre esse programa de recompensas

O cartão fidelidade está presente em diversos estabelecimentos, trazendo benefícios para o cliente e para o empreendedor.

Afinal, esta é uma das principais estratégias para atrair novos públicos e incentivar os consumidores, que, por sua vez, também são premiados.

Continua após a publicidade

Por isso, é interessante para a empresa aderir a esse programa de recompensas, avaliando o perfil do seu cliente e proporcionando as melhores vantagens para garantir um relacionamento de longo prazo.

Dessa forma, o iDinheiro preparou um guia completo com tudo que você precisa saber sobre o cartão fidelidade e como criar uma campanha bem-sucedida para seu negócio.

Continua após a publicidade

Vamos lá? Boa leitura!

O que é um cartão fidelidade?

Cartão fidelidade é um programa de benefícios oferecido pelas empresas, como uma estratégia de atrair e fidelizar clientes. 

Geralmente, é feito com uma campanha de divulgação, que incentiva o consumo mediante uma recompensa, podendo elas serem vantagens ou descontos.

Atualmente, existem várias modalidades de cartão fidelidade, como acúmulo de pontos a cada valor gasto, ou número de vezes que o cliente consome no estabelecimento.

Por isso, ao atingir determinado valor estipulado pela empresa, o consumidor pode trocar pelo acordado com o consumidor anteriormente.

Continua após a publicidade

A princípio, o estabelecimento pode oferecer um cartão para cada cliente, orientando como funciona o programa. 

Geralmente, os mais comuns são cartões magnéticos ou cartões de papel.

Dessa forma, sempre que o consumidor realizar uma compra, ele consegue acumular uma “comprovação” de que esteve no estabelecimento, que pode utilizar pontos, valores ou carimbos. 

Empresas que adotam o cartão magnético também possuem um sistema de monitoramento de pontos. 

Assim, o cliente também consulta seu saldo, os prêmios ou descontos que pode receber.

Seja qual for a modalidade do cartão fidelidade, é importante que faça com que seu público se sinta beneficiado.

Por isso, além de estruturar a campanha, é preciso estabelecer recompensas significativas, para que a estratégia atraia o seu público alvo. 

Continua após a publicidade

Quais são as vantagens do cartão fidelidade para o consumidor?

Aderir a um programa de recompensas através do cartão fidelidade traz vários benefícios para o cliente Afinal, a campanha é voltada para ele.

Confira abaixo, algumas das principais vantagens.

Ganho de recompensas

De fato, um dos maiores benefícios de um cartão fidelidade é a possibilidade de ganhar prêmios e recompensas.

Diversos estabelecimentos podem adotar essa estratégia, o que permite uma grande variedade de produtos disponíveis para troca.

Inclusive, o cliente pode até ganhar itens exclusivos da empresa.

Além disso, muitas das recompensas são vantajosas, mesmo sem ser produtos físicos. Por exemplo, descontos nas próximas compras ou bônus.

Continua após a publicidade

Incentivo ao consumo

Com um cartão fidelidade, o cliente recebe um incentivo para comprar no estabelecimento.

Afinal, com um programa de acúmulo de pontos, por exemplo, ele não precisará gastar nenhum valor específico.

Dessa forma, também poderá ganhar prêmios e descontos, muitas vezes consumindo um produto ou serviço do dia a dia. Atualmente, diversos estabelecimentos oferecem um cartão fidelidade, como restaurantes, varejo e salões de beleza.

Assim, o cliente sente que está recebendo uma valorização maior para suas compras.

Aumento da satisfação

Grande parte dos consumidores considera a experiência de compra tão importante quanto o produto ou serviço oferecido.

Ter um bom relacionamento com a empresa, se sentir valorizado e beneficiado são alguns dos aspectos que influenciam na sua avaliação.

Continua após a publicidade

Sendo assim, o cartão fidelidade proporciona um aumento na satisfação do cliente. Enquanto acumula pontos e vantagens, pode receber prêmios exclusivos.

Além disso, as campanhas devem ser preparadas para atender o perfil do cliente do estabelecimento, levando em consideração suas necessidades e preferências.

E as vantagens do cartão fidelidade para o empreendedor?

Por outro lado, criar um cartão fidelidade para seu estabelecimento também faz com que o empreendedor tenha benefícios no médio e longo prazo.

Conheça alguns dos principais.

Fidelização de clientes

Criar um programa de recompensas é uma das principais estratégias para fidelização de clientes.

Isso porque oferece um incentivo para o consumidor continuar frequentando o estabelecimento. Inclusive, muitas vezes encoraja a gastar mais que o valor médio usual, por conta dos prêmios oferecidos.

Continua após a publicidade

Dessa forma, o cliente se sentirá motivado a voltar, aumentando as chances de fidelização.

Atrair novos consumidores

Segundo um Estudo Global realizado pela Nielsen, em 2017, cerca de 72% dos consumidores escolhe um varejista com programa de fidelidade, se todos os demais fatores forem iguais.

Assim, um cartão fidelidade é uma forma de atrair mais clientes, se destacando no mercado e entre seus concorrentes.

Divulgação do trabalho

Aplicar essa estratégia de fidelização também é vantajoso para a divulgação do trabalho da empresa.

Isso porque a campanha, muitas vezes, vem acompanhada de outras publicidades para chamar a atenção. Dessa maneira, acaba sendo possível aumentar a visibilidade da marca.

Continua após a publicidade

Por outro lado, investir em um cartão fidelidade para os clientes incentiva o chamado marketing de indicação ou o conhecido marketing de influência.

Consumidores satisfeitos tendem a indicar o estabelecimento para conhecidos, que, por sua vez, levam em conta a recomendação na hora de escolher um serviço. 

Como criar um cartão fidelidade?

Depois de conhecer as vantagens que um cartão fidelidade traz, é necessário entender os passos para criar uma campanha bem-sucedida.

Veja algumas das etapas que separamos para criar um programa adequado.

1. Faça um planejamento detalhado

O cartão fidelidade pode trazer uma série de vantagens para o empreendimento. Mas, se não tiver um planejamento adequado, pode proporcionar o efeito oposto ao desejado.

Por isso, é fundamental estabelecer todos os detalhes do programa.

A princípio, procure definir como a campanha irá funcionar. Por exemplo, a partir de acúmulo de pontos, ou quantidade de vezes que o cliente faz uma compra.

Continua após a publicidade

Em seguida, é preciso escolher as recompensas. Elas devem ser atrativas, ou o consumidor não se sentirá motivado a consumir seu serviço.

No entanto, a empresa também deve ficar atenta para que os prêmios não sejam prejudiciais para o negócio, como descontos ou produtos que não compensam o valor gasto.

Além disso, detalhes técnicos, como regras da campanha, são essenciais, e devem ser definidos durante o planejamento.

2. Estude o perfil dos seus clientes

Criar um cartão fidelidade deve ser um projeto voltado para o cliente. Afinal, o objetivo é atrair, e fidelizar, o público-alvo.

Continua após a publicidade

Dessa forma, é necessário estudar o perfil dos consumidores do estabelecimento. Entre diversas questões, tente responder algumas questões como:

  • qual o ticket médio dos seus clientes?;
  • quais são os produtos mais comprados?;
  • existem hábitos de consumo que podem ser replicados?

A partir dessas especificações, será mais fácil criar um cartão, e recompensas, que incentivem o cliente a retornar.

Propor um cartão magnético, ou de papel, para contagem de pontos ou de carimbos, depende unicamente das preferências dos consumidores.

3. Seja criativo

A criatividade é um dos fatores essenciais para campanhas bem-sucedidas de cartão fidelidade.

Por isso, invista em um cartão visual que seja capaz de atrair a atenção das pessoas, mas não perca a capacidade de ser funcional. 

Continua após a publicidade

Com isso, adicione o logo da empresa, ou até mesmo personalize-o para cada cliente.

Além disso, crie publicidades chamativas, não apenas para fidelizar o público alvo atual, mas também atrair novos consumidores.

4. Faça a divulgação

Depois de planejar e criar o cartão fidelidade, é preciso divulgá-lo. 

Garanta que os clientes tenham conhecimento do programa, não apenas pessoalmente, mas também nas redes sociais, e através do marketing de indicação.

Considere até mesmo criar um site voltado para a iniciativa, com todas as regras para participar, e as recompensas.

Dessa forma, mais pessoas poderão conhecer a campanha, e a própria empresa.

Como o cartão fidelidade pode funcionar, na prática?

Aqui a ideia é mostrar as formas diferentes, dependendo do negócio, que um cartão fidelidade pode ser usado. A ideia é abranger várias linhas de raciocínio diferentes.

Continua após a publicidade

O objetivo do cartão fidelidade é encorajar o cliente a retornar ao estabelecimento e continuar consumindo. 

No entanto, existem diversas formas de colocar essa campanha em prática. Confira alguns segmentos que podem adotar essa estratégia.

Barbearia

Barbearias podem usar o cartão fidelidade com seus serviços. Cada corte de barba ou cabelo é um carimbo, ou um ponto.

Ao somar 10 carimbos, ou determinado número de pontos, o cliente pode ganhar um corte de graça, ou desconto no próximo serviço.

Continua após a publicidade

Açaí

Diversos estabelecimentos que servem açaí adotam a estratégia com cartões de papel, para fazer a marcação de quantos produtos a pessoa consumiu no local.

Quando o cliente preenche o cartão, tem direito a um pote de graça, ou determinado valor para gastar.

Esse método também pode ser usado em sorveterias.

Salão de Beleza

Assim como em barbearias, salões de beleza podem oferecer um sistema de pontuação por serviço, ou frequência dos consumidores.

Existe ainda mais variedade para as recompensas, como corte, hidratação, pintura ou unhas grátis.

Pizzaria

Pizzarias podem oferecer um cartão fidelidade em duas modalidades diferentes. Por exemplo, para rodízios, e pedidos à parte.

Continua após a publicidade

Nos rodízios, o cliente pode acumular pontos e ganhar descontos com determinado valor. Ou, ainda, ganhar um refrigerante ou um brinde doce, ao comprar 10 pizzas.

Restaurante

Restaurantes possuem várias formas de implantar campanhas de fidelização. Por exemplo, oferecer descontos, sobremesas ou bebidas ao preencher o cartão.

Ainda, descontos em dias da semana específicos, como “traga um amigo no sábado e pague metade”.

Várias modalidades, como self-service, à la carte ou até marmitas, podem disponibilizar sistemas de pontuação e recompensa.

Continua após a publicidade

Loja de roupas

É comum que lojas de roupas, e varejo em geral, optem por cartões fidelidade com sistema de acúmulo de pontos.

A cada determinado valor gasto, o cliente ganha um número de pontos, e pode trocar por produtos ou descontos.

Dessa forma, o consumidor é incentivado a retornar na loja, e até mesmo gastar mais.

Hamburgueria

Assim como restaurantes e pizzarias, hamburguerias podem trabalhar com descontos e oferecer produtos de graça.

Continua após a publicidade

Por exemplo, um hambúrguer ou bebida na próxima compra. Além disso, pode aderir a dias promocionais, ou leve 2, pague 1.

Confeitaria

Em confeitarias, o cliente pode usar seu cartão fidelidade a cada produto comprado, e, quando completar, trocar por uma sobremesa.

Ou, ainda, após o 10° bolo, o 11° sai pela metade do preço.

Lava rápido

Muitos serviços de lava rápido, e mesmo postos de combustíveis, em parceria, oferecem programas de fidelidade.

Por exemplo, ao completar um cartão fidelidade focado em lavagens, o cliente ganha um uma aplicação de cera no veículo.

Continua após a publicidade

Além disso, promoções a partir do valor gasto também são comuns, como “a cada X reais, ganhe uma lavagem extra” e bastante funcionais.

Pet Shop

Pet Shops possuem vários serviços e produtos a sua disposição, para oferecer como prêmios. 

O cliente pode ganhar banho e tosa a cada cartão fidelidade preenchido, ou pagar metade do preço no combo.

Ainda, também pode ter um sistema de pontos, e trocar por itens para o animal de estimação, como enfeites, shampoos ou petiscos e até mesmo ração para o animal.

O cartão fidelidade serve apenas para o ambiente físico?

Apesar deste ser um recurso extremamente popular no universo do varejo tradicional, é possível desenvolver programas de fidelidade online focados na experiência do cliente.

Continua após a publicidade

Inclusive, algumas empresas com a Dotz são especializadas nessa estratégia. 

Se por acaso, você conseguir empreender online, utilizar o conceito do cartão fidelidade de maneira digital também pode ser uma excelente alternativa para se diferenciar dos grandes players do mercado. 

Conclusão: Vale a pena criar um cartão fidelidade?

O mercado está cada vez mais competitivo, e os estabelecimentos precisam encontrar maneiras de se destacar dos concorrentes.

Assim, o cartão fidelidade é uma das melhores estratégias para atingir esse objetivo, além de atrair mais consumidores e premiar clientes fiéis.

Porém, você precisa avaliar com bastante cautela o perfil do seu público alvo para conseguir colocar em prática recompensas atrativas.

Caso contrário, o resultado pode ser bastante diferente do esperado.

No entanto, é uma prática interessante para quem procura novas formas de divulgação, enquanto ganha mais visibilidade e reconhecimento.

Quer saber tudo sobre todos os tipos de cartões e outros conteúdos? Ative as notificações Push e assine a newsletter do iDinheiro para não perder nenhuma informação.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

    Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.