O PicPay é uma startup criada em 2012 em uma incubadora de Vitória, no Espírito Santo, e se tornou o maior aplicativo de pagamentos do Brasil. 

A ferramenta funciona como uma espécie de carteira digital, em que você recebe e faz pagamentos de modo simples, por meio de um smartphone. 

Continua após a publicidade:

Com o crescimento da sua base de clientes, que superou a barreira dos 20 milhões, a fintech lançou, em 2019, o cartão de crédito PicPay.

Essa é mais uma das inovações da startup, que revolucionou o mercado logo em 2012 ao apresentar como uma das funcionalidades o pagamento via QR Code. 

Continua após a publicidade

No ano seguinte, lançou a opção de pagamento P2P. Depois de ter parte do app adquirido pelo banco Original, o PicPay ofereceu, em 2017, a opção de pagamentos voltada para empresas. 

O lançamento do cartão foi feito em 2019, junto com a possibilidade de rendimento para o saldo deixado pelo cliente na carteira digital. .  

O objetivo do novo produto é rivalizar com outros cartões digitais, como o Nubank, e expandir o uso do aplicativo para outros estabelecimentos que ainda não utilizam o QR Code como meio de pagamento, mas aceitam cartão.

De acordo com o PicPay, hoje, 2,5 milhões de estabelecimentos em todo o país aceitam o meio de pagamento. 

Continua após a publicidade

Neste artigo vamos contar como funciona o cartão de crédito PicPay, quais as suas funcionalidades e o que a startup pretende com isso. 

PicPay: o que é e como funciona?

O PicPay surgiu na onda do nascimento das carteiras digitais, métodos de pagamento que dispensam tanto o uso do dinheiro como dos cartões de débito e crédito físicos. 

A ferramenta oferece uma série de funcionalidades com foco em pagamentos. 

Fazer pagamentos

Com ele, é possível receber pagamentos por meio de boletos, transferências bancárias (TED e DOC) ou cartão de débito. O saldo na carteira PicPay pode ser sacado em um terminal do Banco24Horas, transferido para outro banco ou ser utilizado para fazer pagamentos a outros usuários. 

Realizar pagamentos

Outra possibilidade é realizar pagamentos, por meio da transferências de valores entre usuários PicPay. Funciona assim: com o saldo disponível na sua carteira digital, você transfere para uma pessoa dentre a lista de contatos.

Continua após a publicidade

Essa função facilita o pagamento de dívidas ou no rateio de um presente ou de uma conta em bar ou restaurante, por exemplo.

Também é possível cadastrar um cartão de crédito e fazer pagamentos pelo próprio app.  

Uma outra forma de realizar pagamentos é por meio da leitura de um QR Code com a câmera do smartphone.

Há, ainda, a opção de quitação de valores para empresas credenciadas. Mas é importante lembrar que é preciso se cadastrar no app para ter acesso a essas funcionalidades. 

PicPay Empresas: a solução para quem tem CNPJ

Essa é a modalidade do PicPay voltada para empreendedores. Isso significa que há soluções específicas para diferentes tipos:  autônomos, profissionais liberais e pessoas jurídicas (PJ), com propostas específicas para microempreendedor individual (MEI), pequenas, médias ou grandes empresas e, ainda, para e-commerce. 

Continua após a publicidade

Nesses casos, o aplicativo serve para receber pagamentos de clientes, mas não é possível realizar pagamentos. Tudo isso funciona mediante pagamento de taxa por cada transação realizada. 

Microempreendedor Individual (MEI)

  • Venda no crédito ou débito sem taxas de maquininha;.
  • Acompanhamento das transações em tempo real;
  • Valor da venda cai direto na conta bancária;

Pequenas empresas

  • Mais uma forma de pagamento oferecida ao cliente que utiliza celular para realizar transações;.
  • Acompanhamento das transações em tempo real;
  • Valor da venda cai direto na conta bancária;

Grandes empresas

  • Venda no crédito ou débito sem taxas de maquininha;.
  • Acompanhamento das transações em tempo real;
  • Valor da venda cai direto na conta da empresa;

Como funciona cartão de crédito PicPay

O cartão de crédito PicPay, ou PicPay card, como também é chamado, não tem cobrança de anuidade, uma facilidade que se tornou uma febre no Brasil.

O meio de pagamento também não cobra outras tarifas e oferece até 5% de cashback em compras.

O usuário da ferramenta pode integrar o cartão de crédito PicPay ao aplicativo e realizar pagamentos via QR Code (nos estabelecimentos online e físicos que aceitam) ou nas maquininhas da Cielo. Com isso, o PicPay amplia o leque de opções para os seus clientes, que passam a não depender de cartões de outras instituições. 

Continua após a publicidade

O cartão pode ser virtual (para integração em outros aplicativos, como Uber, 99, iFood, dentre outros), mas também é possível solicitar um cartão físico, da bandeira Mastercard, para ser utilizado diretamente nas maquininhas, inclusive por meio de pagamentos contactless. 

Mas, apesar de rivalizar com outros cartões, como o Nubank, justamente por oferecer gratuidade e cashback, o cartão PicPay não está ligado a uma conta digital. 

Por isso, pelo menos por enquanto, não é possível fazer transferências para contas de bancos, por exemplo. No entanto, como carteira digital o PicPay pode oferecer uma outra vantagem, que é o rendimento relativo a 100% do CDI do valor que está depositado na carteira. 

Se engana, no entanto, quem pensa que o cartão vai se tornar o novo carro-chefe da fintech. Pelo contrário, ele será um meio para expandir a aceitação do PicPay no mercado e atrair mais clientes para o app, destacando o meio de pagamento pelo smartphone, esse sim, o core da empresa. 

Continua após a publicidade

Como solicitar o seu cartão de crédito PicPay

Se você é cliente PicPay e se animou com a novidade, é preciso ter um pouco de paciência já que o cartão não está disponível para todo mundo, ao menos em um primeiro momento. 

Em primeiro lugar, é preciso solicitar o cartão online (neste site) e aguardar. Segundo a empresa, os cartões serão liberados em lotes e o objetivo é atingir 1 milhão de clientes com esse novo meio de pagamento até o final de 2020. 

A lista de espera serve como uma espécie de triagem para que o seu perfil seja analisado conforme os critérios da empresa mantenedora do cartão.

Caso seja aprovado, o cartão físico é enviado para sua casa e você terá um limite de crédito que funciona tanto no cartão como no aplicativo. 

Continua após a publicidade

O que você encontra no cartão PicPay 

Cashback

O cashback é um programa que oferece, ao consumidor, que parte do dinheiro gasto em uma compra retorne para ele em forma de… dinheiro. Não se trata de uma promoção mas, no fim das contas, o valor total do produto vai ser menor que o vendido no estabelecimento. 

O PicPay card promete um programa de cashback com até 5% do valor do produto. Isso significa que, a cada R$ 100 gastos, R$ 5 retornam para a sua carteira PicPay.  

Possibilidade de parcelamento

É possível parcelar a fatura do cartão (total ou parcialmente) em até 12 vezes. No entanto, é preciso ter cautela ao realizar compras sem saber se vai conseguir pagá-las à vista. Isso porque são cobrados juros por atraso e também em cima de cada parcela, o que torna a dívida maior.

Contactless

A versão física do cartão PicPay conta com a tecnologia contactless NFC, ou seja, pagamento por aproximação. Isso permite que, compras com valor de até R$ 50 sejam pagas sem que você precise digitar uma senha para autorizar a cobrança. A tecnologia agiliza o pagamento de compras rápidas.

Continua após a publicidade

Função débito

Outra funcionalidade do cartão de crédito PicPay é que você também pode usá-lo na função débito. Dessa forma, o app desconta o valor da compra diretamente do seu saldo no aplicativo. 

Acompanhamento em tempo real

O aplicativo também oferece a possibilidade de você acompanhar seus gastos em tempo real, o que facilita no controle das finanças. 

Conclusão

Neste artigo mostramos como funciona o cartão de crédito PicPay, a novidade apresentada pelo app de pagamentos.

No texto foram abordadas, além de todas as funcionalidades do cartão PicPay, as vantagens desse meio de pagamento como o cashback e a anuidade gratuita. Foi citado, também, como empresas e microempresas podem utilizar a plataforma para realizar suas vendas.

Se você quer passar a receber conteúdos exclusivos sobre o que realmente importa para o seu dinheiro, não deixe de assinar a nossa newsletter.

Assim, você vai receber, direto na caixa de entrada do seu e-mail, toda semana, um compilado de artigos relevantes sobre os assuntos do seu interesse.


Publicidade