Você sabe calcular empréstimo consignado? Nós te ensinamos!

Saiba como fazer o cálculo de empréstimo consignado e como isso vai ajudar você a se organizar melhor!

Julyana Andrade
Julyana Andrade

Saber calcular empréstimo consignado é importante para garantir que você vai tomar a decisão mais adequada na hora de solicitar um crédito. Ele sempre aparece como uma das alternativas de crédito mais baratas. Contudo, será que combina com suas necessidades financeiras?

Já adiantamos que pode manter a calma. Para que você calcule o empréstimo consignado da maneira certa, não vai precisar de conhecimentos avançados de matemática. Neste post, reunimos todas as informações e orientações práticas que você vai precisar. Confira!

Continua após a publicidade

Por que é importante saber calcular o empréstimo consignado?

Entender como funciona o cálculo de empréstimo consignado é fundamental para fazer a melhor escolha e evitar prejudicar as suas finanças pessoais.

Apesar de ele oferecer juros mais baixos, sem um bom planejamento pode levar a complicações que vão afetar seriamente o seu orçamento pessoal. Com isso, corre-se o risco de não conseguir honrar os compromissos e, em último caso, ficar com o nome sujo nos órgãos de proteção ao crédito, com todos os transtornos que isso traz.

Continua após a publicidade

Como calcular margem consignável?

Empréstimos consignados de empresas privadas podem variar. No entanto, aquele oferecido aos aposentados e pensionistas do INSS tem regras estipuladas pelo governo.

De acordo com a Lei 14.131/2021, atualmente a margem para empréstimos equivale a 35% do valor do benefício. Válida até 31 de dezembro de 2021.

Assim, basta aplicar a proporção. Se você recebe R$ 2.500,00, por exemplo, poderá solicitar um empréstimo de até R$ 875,00, que equivale a 35% do benefício.

Esse é o percentual máximo de contratação, mas, à medida que você vai pagando as parcelas, a margem consignada vai sendo liberada.

Continua após a publicidade

Ou seja, com o tempo é possível fazer um refinanciamento de empréstimo consignado e tomar de crédito a diferença que estiver disponível.

O que é a margem de 5%?

Além do limite de 35%, o Governo liberou uma margem de 5%, que deve ser utilizada apenas em duas situações. É o caso do saque com cartão de crédito e de amortizar custos gerados com o ele.

Isso significa que alguns beneficiários poderão contar com uma margem consignada de 40%, somando esses dois limites.

Como calcular juros de empréstimo consignado?

Assim como outras modalidades de empréstimos, os juros do consignado é composto, ou seja, incide sobre o valor principal acrescido dos juros do período.

Continua após a publicidade

Ficou complicado? Então, vamos mostrar como ficaria um empréstimo de R$ 800,00 em 4 parcelas.

  • Empréstimo: R$ 800,00
  • Número de parcelas: 4
  • Taxa de juros ao mês: 1,80%

Cada parcela custará R$ 209,08, totalizando R$ 836,32. Você pode usar a seguinte fórmula:

M = C x (1 + i)????

Sendo que:

M é o valor total que será pago no final do período, C é o valor contratado, i é taxa de juros em numeral e n o número de parcelas.

Nesse exemplo, ficaria:

M = 800 x (1 + 0,018) elevado a 4

M = R$ 836,32

Como dissemos que não precisa saber matemática para fazer o cálculo dos juros do consignado, você consegue essa informação de maneira rápida e fácil com uma calculadora. Falaremos mais sobre ela adiante.

Existe um cálculo para antecipar e quitar empréstimo consignado?

Sim. Como o juro é composto, ao antecipar parcelas, você terá um desconto com base no tempo que está economizando ao pagar a mensalidade antecipadamente.

Continua após a publicidade

Isso acontece porque o juros são cobrados de acordo com o tempo que o dinheiro ficou disponibilizado para seu uso. Se você devolve antes, não tem porque pagar pelo período que não usou, certo?

É necessário avaliar com a instituição financeira de quanto será esse desconto. Geralmente, ela já faz os cálculos e informa quanto você vai economizar com a antecipação.

Como simular um empréstimo consignado?

Você pode contar com uma calculadora de empréstimo consignado e inserir diversos dados para encontrar o cenário ideal para o seu bolso. Nela, você pode simular um empréstimo consignado informando o valor do salário (ou benefício), se há algum empréstimo já em andamento e qual o valor da parcela dele, o prazo que pretende pagar e qual a taxa de juros.

Assim, é possível simular diversos cenários e entender quais são as possíveis opções disponíveis, o que permite fazer um planejamento financeiro mais acertado — minimizando possíveis riscos de não conseguir arcar com esse compromisso posteriormente.

Continua após a publicidade

Também há Calculadora do Cidadão do Banco Central e a opção de simulador de juros empréstimo consignado, que várias instituições oferecem no próprio site.

Como fazer o cálculo de empréstimo consignado Caixa?

Para calcular empréstimo consignado Caixa basta usar a mesma fórmula que mostramos acima. Vale lembrar que a margem consignável da CEF também é 35% do benefício.

A instituição financeira oferece condições especiais de contratação, como um número maior de parcelas ou outros benefícios nos seus serviços de conta corrente, mas, o cálculo, é o mesmo.

Conclusão

Mais do que calcular empréstimo consignado, você precisa considerar outras alternativas antes de tomar um crédito que comprometa parte dos seus ganhos.

Continua após a publicidade

É claro que ele é uma solução para casos de urgências. Mas, medidas para evitar seu uso, como fazer uma reserva emergencial, é essencial para sua saúde financeira.

Se for inevitável, porém, agora você já sabe como calcular empréstimo consignado, comparar opções, dentre outras noções práticas. Sabe o que falta agora?

Acompanhe as notícias com a newsletter do iDinheiro para saber como as mudanças nessa linha de crédito podem afetar sua contratação. Assine agora mesmo.

Dúvidas frequentes

  1. Como calcular empréstimo consignado?

    Uma calculadora de empréstimo consignado é útil para ajudar você a fazer essas contas. Assim, não precisa quebrar a cabeça com papel, caneta e calculadora na mão. Com uma simulação de empréstimo, fica mais fácil tomar decisões mais acertadas.

  2. Quais são as taxas de juros do consignado?

    Depende do seu convênio e da instituição financeira. Porém, no geral, ela é de até 1,8% ao mês para beneficiários do INSS e 2,05% para servidores públicos (SIAPE).

  3. Como escolher melhor meu consignado?

    Além das taxas de juros, veja quais são as condições oferecidas pelas financeiras, como o prazo para pagamento. Não deixe de ficar de olho no custo efetivo total (CET), pois ele pode ser ainda maior.

  4. Como o cálculo de empréstimo consignado pode me ajudar?

    Por meio da simulação de empréstimo, você consegue ter uma ideia de qual valor tem disponível, qual é o limite máximo da parcela e por quanto tempo pagará o empréstimo. Dessa forma, fica mais fácil organizar as suas finanças para contratar o crédito.

  5. Como calcular a margem consignável?

    Para calcular a margem consignável basta encontrar o valor referente a 35% da sua renda. Então, se você ganha R$1.000 por mês, a sua margem consignável é de R$350. Esse cálculo é válido para quem ainda não tem empréstimos em andamento.

Continua após a Publicidade

2 comentários

  1. DARCI DE

    Ola, meu nome é Darci professor de matemática, vocês estão equivocacodos nesse cálculo. Essa fórmula e cálculo de juros compostos e se aplicarmos essa formula o resultado é outro.

    Sendo que:

    M é o valor total que será pago no final do período, C é o valor contratado, i é taxa de juros em numeral e n o número de parcelas.

    Nesse exemplo, ficaria:

    M = 800 x (1 + 0,018) elevado a 4

    M = R$ 836,32

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.