Nesta quarta feira (29), a Caixa Econômica Federal paga mais uma parcela do Auxílio Emergencial para mais de 5,8 milhões de trabalhadores. Neste lote, estão os beneficiários do Bolsa Família e os últimos cadastros que se inscreveram no programa através do aplicativo e do site.

Entre o público do Bolsa Família, a quarta parcela do auxílio emergencial está sendo paga desde o último dia 20, e seguirá sendo depositado na poupança digital dos beneficiários até o dia 30 de julho. com o pagamento da mesma maneira que 

Continua após a publicidade:

Agora, para o restante das pessoas que estão recebendo a quantia estipulada, ela será depositada na conta poupança digital da Caixa, que poderá ser utilizada para pagamento de contas e compras através do cartão virtual oferecido. 

Já para quem deseja utilizar o valor para fazer saques diretos, deverá aguardar o prazo de até 1º de agosto.

Quem recebe o auxílio emergencial nesta quarta?

Para que você acompanhe um cronograma completo, os beneficiários do auxílio emergencial desta quarta feira serão distribuídos em:

  • 1,9 milhões de pessoas pertencentes ao Bolsa Família, com número NIS final 8;
  • 3,9 milhões de trabalhadores de cadastros único realizado pelo site e aplicativo do programa.

Quem recebe a próxima parcela do benefício?

A próxima parcela do auxílio emergencial deverá ser paga para um outro grupo específico de pessoas.

Entre eles, beneficiários que fizeram parte do primeiro lote do programa e os novos cadastros, terminados no começo de julho.

Por isso, separamos uma lista de quem serão as próximas pessoas que passarão a contar com a quantia nos próximos depósitos.

  • Aprovados do primeiro lote, receberão a quarta parcela do benefício;
  • Já os aprovados do segundo lote, receberão o terceiro depósito;
  • Aprovados no terceiro e quarto lote, terão direito ao segundo benefício;
  • Aprovados pelo último cadastro do auxílio emergencial, receberão o primeiro pagamento. 

Quer continuar acompanhando todas as notícias sobre o assunto? Não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro. 

Publicidade