Bancos, Notícias

Saiba porque os bancos querem tanto atrair pessoas para o PIX

Karina Carneiro
Karina Carneiro
celular com logo do pix, representando atrair pessoas para o PI
Bancos estão empenhados em atrair pessoas para o PIX. Principal motivo é a diminuição na receita líquida com serviços disponibilizados de forma gratuita.

Desde a liberação do cadastro das chaves no último dia 5, os bancos estão fazendo de tudo para atrair pessoas para o PIX.

As tentativas de trazer mais clientes para o sistema envolvem promoções de cashback a sorteio de prêmios

Continua após a publicidade

O novo sistema de pagamentos instantâneos que será lançado pelo Banco Central (BC) em 16 de novembro terá a função de reestruturar a forma como realizamos transferências bancárias atualmente.

Com isso, instituições bancárias e fintechs acabam tendo parte dos seus serviços e lucros ameaçados pela nova plataforma. Por isso, buscam atrair pessoas para o PIX para que a usabilidade da conta corrente continue ativa. 

Continua após a publicidade

É tanto que os bancos do país já estão buscando alternativas cada vez mais interessantes de acordo com o público para atrair pessoas para o uso do sistema do BC.

Os principais motivos para atrair pessoas para o PIX

Atualmente, os grandes bancos são os mais ameaçados pelo novo sistema que será implantado em novembro.

Essa afirmação pode ser feita por diferentes motivos. Listamos abaixo alguns dados que fazem com que a captação de correntistas para o uso do PIX seja maior a cada dia. 

1. Perda de clientes

Se os grandes bancos do Brasil já estavam sentindo uma tendência da população de migrar os serviços bancários para o ambiente digital, onde as tarifas são reduzidas ou gratuitas, esse comportamento tende a ser cada vez maior com a chegada do PIX.

Continua após a publicidade

Isso porque o atendimento humanizado, digital e mais rápido está começando a fazer diferença frente à burocracia que já era conhecida nos bancos tradicionais.

2. Redução da receita líquida

Atrair pessoas para o PIX se tornou fundamental para manter a fidelidade do correntista com o banco ou fintech em questão.

Com transferências instantâneas e pagamentos de boleto a qualquer hora do dia, recursos utilizados atualmente como o TED e o DOC deixarão de ser usados pelas pessoas físicas e jurídicas em pouco tempo. 

E isso trará, consequentemente, diminuição da receita dos bancos, que lucram com a taxação desses serviços.

Continua após a publicidade

3. Bancarização em massa

Para utilizar o PIX, que oferecerá serviços bancários de forma gratuita, será necessário que o consumidor esteja cadastrado em alguma instituição bancária que seja autorizada pelo BC.

Dessa forma, a tendência é que pessoas desbancarizadas, ou seja, que ainda não possuem nenhum tipo de produto bancário, passem a escolher uma fintech ou um banco para conseguirem utilizar esses serviços.

Esse processo abre margem para uma nova captação de clientes, que estão buscando novas soluções e taxas reduzidas dentro deste segmento. 

Gostou do conteúdo? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações do Push para acompanhar todas as novidades sobre o universo financeiro em tempo real. 

Publicidade

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

    Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *