Minizinha Chip

5 Opções de Máquina para Pessoa Física

5 Opções de Máquina para Pessoa Física

As pessoas físicas comumente procuram por máquinas de cartões móveis, de baixo custo e independentes. Conheça aqui 5 opções de máquinas de cartões, tendo acesso aos preços, funções e taxas.

A Moderninha é segura?

A Moderninha é segura?

A Moderninha está há um bom tempo no mercado, e se destaca pelo custo baixo de manutenção e parcelas que cabem no bolso de muitos empreendedores. Porém, a dúvida de muitos clientes é se a máquina é segura. Confira esta informação no post.

Quais as taxas da Moderninha Plus, Pro e Minizinha?

Quais as taxas da Moderninha Plus, Pro e Minizinha?

As taxas das máquinas Moderninhas Pró e Plus e Minizinha e Minizinha chip, são de 1,99% ou 2,39% no débito para receber em 1 dia, no crédito à vista são de 3,19% sem antecipação. Existem condições diferentes para antecipação, vendas parceladas e cartões com tarja.

seguro de moto

Qual a diferença entre a Minizinha e a Minizinha Chip?

Descubra a diferença entre a Minizinha e a Minizinha Chip? Qual é melhor? Precisa de celular para funcionar? Quais as taxas e preço de cada uma, além das bandeiras aceitas por elas? Veja tudo neste comparativo entre w Minizinha Chip e a Minizinha, as máquinas mais baratas da PagSeguro UOL.

karina carneiro

Moderninha ou Minizinha? Qual escolher?

Confira as diferenças entre Moderninha e Minizinha? Quais as mais baratas? Qual vale mais a pena? Quais as bandeiras e taxas aceitas? Saiba tudo sobre os 4 modelos das maquininhas da PagSeguro: Moderninha Pro, Moderninha Wi-fi, Minizinha Chip e Minizinha e saiba qual escolher para seu comércio, serviços ou outros usos.

Minizinha Chip Precisa Celular? Veja os cartões aceitos e como comprar

Conheça a Minizinha Chip, máquina de cartões da Pagseguro que recebe cartões para pessoa física sem conta em banco. A máquina não tem aluguel e é muito barata. Além disso, a Minizinha Chip não precisa de celular para funcionar e vem com chip de dados incluído aceitando cartões de crédito, débito e refeição.

+ Destaques iDinheiro