Notícias

Amazon One: conheça a maquininha que lê a palma da sua mão

Ana Júlia Ramos
Ana Júlia Ramos
Imagem do aplicativo da Amazon, representando o lançamento da maquininha Amazon One

A Amazon One, lançamento recente da gigante do varejo, permite a realização de pagamentos a partir da leitura da palma da mão do cliente. Entenda a tecnologia!

Amazon One: este é o nome do novo dispositivo lançado pela empresa de Jeff Bezos e que tem uma função curiosa. A maquininha, que serve para pagamentos, tem a capacidade de ler a mão do cliente para fazer a identificação e cobrança.

A tecnologia já está disponível para uso em lojas da Amazon Go em Seattle, nos Estados Unidos. De acordo com a empresa, a ideia é expandir o projeto para qualquer varejista que se interesse pela parceria.

Continua após a publicidade

O anúncio oficial feito pelo vice-presidente de negócios de varejo físico da Amazon, Dilip Kumar, destaca informações importantes que envolvem segurança e privacidade.

Saiba mais detalhes a seguir.

Como funciona a Amazon One

Além de fazer pagamentos por aproximação da palma da mão, também é possível entrar em eventos (como um jogo de futebol ou show) ou até mesmo substituir o famoso crachá do trabalho.

Continua após a publicidade

No caso das duas lojas de Seattle da rede Amazon Go, os clientes que desejarem poderão usar o dispositivo como forma de entrar nas unidades.

De acordo com a empresa, o processo dura menos de um minuto para se cadastrar.

Primeiro, o cliente deve inserir o cartão de crédito. Depois, aproximar a palma da mão do dispositivo e seguir um procedimento rápido.

Ele associa o cartão com a “assinatura” criada pela empresa a partir de uma imagem criptografada da impressão coletada.

Continua após a publicidade

Será possível cadastrar uma ou ambas as mãos. Depois de cadastrado, é só aproximá-la ao chegar nas unidades da loja.

Principais perguntas e respostas

A empresa, ainda no comunicado oficial publicado em seu blog, responde as principais perguntas relacionadas ao tema.

A primeira pergunta foi com relação ao porquê da criação da ferramenta. Segundo a empresa, o objetivo final foi a experiência do cliente.

De acordo com a Amazon, esta é uma maneira “rápida, confiável e segura para que as pessoas possam ser identificadas ou autorizarem transações enquanto se movem perfeitamente ao longo do dia”.

Continua após a publicidade

Além disso, houve discussão sobre o motivo de escolha da palma da mão. De acordo com a empresa, o conhecimento de palma de mão é mais privado que outras alternativas biométricas.

Isso ocorre porque não é possível determinar a identidade de uma pessoa olhando para a imagem da palma da mão. Além disso, requer que alguém faça um gesto intencional, colocando a mão sobre o dispositivo.

Outro motivo é a não necessidade de contato, principalmente em meio ao cenário mundial em que estamos vivendo.

Por fim, a segurança é outro destaque. A tecnologia tem uma série de métodos de segurança e as imagens das mãos não ficam em nenhum dispositivo.

Continua após a publicidade

Sabendo disso, a empresa irá encriptar e enviar as informações para uma área altamente segura, ou seja, os dados dos clientes estão protegidos.

Além disso, caso o cliente não queria mais usar o recurso, poderá deletar todas as informações associadas a ele.

Gostou desta notícia sobre a Amazon One? Então, assine a newsletter do iDinheiro para receber mais conteúdos do tipo diretamente no seu e-mail.

Publicidade

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *